terça-feira, 3 de março de 2015

Amo Gatos será uma empresa ao invés de ONG

Quando comecei a pensar a Amo Gatos no ano de 2014 considerei criar um projeto social no formato de ONG, com o nome Projeto Amo Gatos, conforme está na marca dos primeiros produtos feitos e comercializados desde junho desse ano até os dois primeiros meses do ano de 2015. 

Mas é quando ideia vai sendo colocada em prática que começamos a perceber as dificuldades e as necessidades de ajustes e correções de rumo. Imaginava que lançando como projeto social fosse conseguir patrocinadores, que financiariam a criação da ONG Amo Gatos e as suas primeiras atividades, mas isso não aconteceu, tive de contar apenas com recursos próprios para tocar os primeiros meses do projeto. Essa dificuldade de obter financiamento através de patrocínio me fez repensar o formato de ONG e considerar fundar a Amo Gatos não como uma associação civil, como uma empresa.

Criando uma empresa, ao invés de patrocinadores, buscarei sócios e parceiros que queiram investir na ideia em troca de lucros futuros. Isso, claro, não muda em nada o meu compromisso de doar parte da renda para a causa dos gatos por meio de um fundo financiador de projetos. Mesmo tornando a Amo Gatos uma empresa no formato tradicional, mantenho o compromisso de criação do Fundo Amo Gatos e só se tornarão sócios e parceiros da empresa aqueles que concordarem com essa destinação de recursos para a causa. 

Acredito que dando à Amo Gatos uma natureza jurídica empresarial poderei até mesmo atingir uma quantidade maior de recursos doados, pois o formato de empresa, além de facilitar a gestão, amplia o leque de possibilidades de negócios. E como doarei uma parte de toda a renda líquida, quanto mais a Amo Gatos fizer negócios mais dinheiro será doado para a causa dos gatos. Espero assim completar o desafio ao qual me lancei em 1º de janeiro de 2015: doar, através da Amo Gatos, um milhão de reais para a causa animal no Brasil.

Elinaudo Barbosa
4 de março de 2015

0 comentários:

Postar um comentário

Comente com o Facebook: