terça-feira, 8 de julho de 2014

Aprenda com a derrota para poder vencer

A derrota da Seleção Brasileira para a Alemanha na fase semifinal da Copa, da forma como foi, trouxe à maioria dos brasileiros sentimentos como vergonha, tristeza, raiva e sensação de humilhação. Se isso acontece quando o time de futebol perde, imagina como é quando a derrota é pessoal.

A primeira coisa que você sente quando perde é vergonha, principalmente se for uma derrota pública. Aí vem a sensação de humilhação, seguida da raiva de si mesmo, que por sua vez leva ao desejo de autopunição. Nem todo mundo percebe todos esses sentimentos. A raiva e o desejo de punir-se ocorrem geralmente de maneira inconsciente, mas ocorrem.

Desde que você era criança lhe foi ensinado que é vergonhoso perder, que quem perde é fraco e deve ser punido para aprender a ser forte. Durante toda a sua vida você só foi preparado para ganhar, na hora que perde fica sem chão e sua autoestima vai ao solo junto com você.

Acontece que a derrota é um dos maiores mestres que você vai encontrar em sua vida, pois é ela quem vai ajudar você a conhecer suas limitações e suas falhas e, por conseguinte lhe levar ao autoaprimoramento. E se você ficar perdendo tempo se lamentando, se punindo ou buscando culpados para sua perda, você irá continuar tendo os mesmos pontos fracos e cometendo os mesmos erros e, claro, continuará perdendo.

Portanto, quando sofrer uma queda deixe os sentimentos negativos de lado e esqueça o medo de parecer ridículo. Simplesmente levante e, enquanto sacode a poeira, vá avaliando as razões que lhe levaram cair e aprendendo, pois é com esse aprendizado que você vai poder começar de novo e dar a volta por cima.

0 comentários:

Postar um comentário

Comente com o Facebook: