terça-feira, 14 de janeiro de 2014

10 dicas que irão ajudar você a fazer boas escolhas

Cada um vive o resultado daquilo que escolhe. Você vive hoje o resultado das decisões que tomou no passado e viverá amanhã o resultado das escolhas que está fazendo agora.

A maioria das pessoas tende a decidir pelo lado que provoque menos conflito, que desagrade menos às pessoas e as convenções sociais. Esse pavor que tanta gente tem de receber críticas e de sentir qualquer tipo de reprovação somado a um grande comodismo mental leva a maioria das pessoas a tomar suas decisões com base apenas em opções prontas, escolhendo entre duas ou três possibilidades apontadas pelos outros: roupas que estejam na moda, empregos e carreiras em alta, músicas de artistas que aparecem na TV e viagens a lugares onde todo mundo costuma ir.

Além disso, quase todo mundo toma suas decisões com base apenas em opções prontas. Escolhe entre duas ou três possibilidades apontadas pelos outros, de roupas que estejam na moda a empregos e carreiras em alta. Assistem aos programas de TV das principais emissoras comerciais, ouvem as músicas que são o "sucesso do momento" e fazem viagens a lugares onde todo mundo costuma ir. 

Acontece que quanto mais você aceita que os outros lhe imponham opções e interfiram nas suas escolhas mais vulnerável você se torna aos caprichos alheios, até que se torna um escravo da necessidade de agradar e não consegue mais decidir nada por si mesmo. Observe que as pessoas que tomam decisões independentes, aquelas que mesmo ouvindo os outros escolhem por si mesmas, são as mais realizadas na vida. E são também as mais livres.

Abaixo dez dicas que lhe ajudarão a escolher melhor, desde as grandes decisões da sua vida até as pequenas escolhas que você faz todos os dias sem nem perceber que as faz:

1. Viva com atenção, observando as pequenas escolhas do dia-a-dia. Aquelas decisões "sem importância" na maioria das vezes determinam mais do que aquelas que você considera importantes.

2. Veja quantas opções realmente existem. Sempre há muito mais possibilidades, muito mais caminhos do que aquelas duas ou três alternativas que você costuma considerar antes de escolher.

3. Pare de dizer "eu não tive escolha". Até nas mais terríveis circunstâncias quando só resta decidir entre algo ruim e algo ainda pior, é você quem acaba escolhendo.

4. Escolha sempre com calma. Evite tomar decisões apressadas a menos que seja realmente uma situação emergencial. Só com calma você pode decidir com sabedoria.

5. Ouça sua intuição. Medite sempre, observe seus sentimentos e suas sensações antes de tomar decisões. Ouvir a voz interior leva às mais sabias decisões.

6. Você tem o direito de errar. Evite a culpa pelas decisões erradas que tá tomou e não tenha medo de errar nas escolhas futuras. Você é um ser em evolução, tem o direito de errar quantas vezes for necessário para aprender.

7. Decidir com liberdade não é ser inconsequente. Cada escolha sua interfere na sua vida, na vida das outras pessoas e no meio à sua volta. Considere isso antes de decidir.

8. Observe as escolhas que fez no passado e aprenda com elas. Assim você evitará cometer os mesmos erros e decidirá melhor o que será o seu futuro.

9. Você não precisa ser “do contra”. Se mesmo seguindo seu coração e focado em seus sonhos, a sua escolha se mostra igual à da maioria, decida assim mesmo, afinal você não precisa contrariar ninguém para escolher bem.

10. Respeite as decisões dos outros. Eles também fazem escolhas o tempo todo e tem o direito de que não sejam iguais às suas.

Escolha com sabedoria.

0 comentários:

Postar um comentário

Comente com o Facebook: